Depois de muito se ter escrito sobre os limites à liberdade de expressão dos atletas olímpicos nas Redes Sociais, eis que surge a primeira “vítima” de um post no Twitter. A atleta grega Paraskevi Papahristou foi expulsa do comité olímpico do seu país depois de um comentário racista publicado nesta rede. Toda a história aqui.